quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

20 SEMENTES PARA OS PREGADORES


1.       5 MARCAS DE UM VERDADEIRO CAMPEÃO
a.       Autoridade na Palavra
b.      Discernimento da vontade de Deus
c.       Visão espiritual
d.      Intimidade com o sobrenatural
e.      Vida transparente
2.       7 MISTÉRIOS DE UM AVIVAMENTO REAL
a.       Pode começar no deserto, como aconteceu com Moisés
b.      Pode começar na cadeia, como aconteceu com José
c.       Pode começar dentro de um peixe, como aconteceu com Jonas
d.      Pode começar com uma criança, como aconteceu com Josias
e.      Pode começar em um culto rotineiro, como aconteceu em Éfeso (At 19).
3.       A NATUREZA DA VONTADE DE DEUS
a.       Ela é santa
b.      Ela é boa
c.       Ela é perfeita
d.      Ela é justa
e.      Ela é agradável
4.       DIFERENTES TIPOS DE COMUNHÃO
a.       Comunhão plena – Moisés
b.      Comunhão temporária – Nadabe e Abiu
c.       Comunhão restritiva – Arãio
d.      Comunhão parcial  – os setenta anciãos
5.       DIFERENTES TIPOS DE OPORTUNIDADES
a.       Raras – O paralítico de Betesda, Zaqueu, etc.
b.      Únicas – Mardoqueu, Ananias (At 9), o ladrão da cruz
c.       Perdidas – o macebo rico
d.      Última – Zaqueu
e.      Segunda – Jonas
6.       3 EXPERIENCIAS DELETIÁVEIS EM CT 5.1
a.       Cilhei
b.      Comi
c.       Bebi
7.       DOIS TIPOS DE VISÃO
a.       Visão natural
                                                               i.      Mediante o uso dos olhos naturais
                                                             ii.      Para contatar com o mundo natural
                                                            iii.      Mt 6.22
b.      Visão espiritual
                                                               i.      Para contato com o mundo natural
                                                             ii.      Mediante o uso dos olhos do entendimento (Ef 1.18)
                                                            iii.      Grandes exemplos: Eliseu, no AT e Paulo, no NT
8.       O CRISTO QUE VÊ
a.       Ele viu Zaqueu na árvore, e fez dele um discípulo.
b.      Ele viu Natanael no caminho, e fez dele um apóstolo.
c.       Ele viu o ladrão na cruz, e fez dele um santo
9.       UM PERFIL DO ANTICRISTO
a.       Mencionado claramente na Bíblia 4 vezes (I Jo 2.18,22; 4.3; II Jo 7.
b.      Aparecerá depois do rapto da Igreja, II Ts 2.6-8.
c.       Ordem de manifestação: o espírito, osx precursores e a pessoa
d.      Seu aspecto e mensagem, II Ts 2.4,9
10.   VENDO A CRISTO COMO SENHOR
a.       Ele é Senhor
b.      Ele é Senhor dos vivos e dos mortos
c.       Ele é Senhor da seara
d.      Ele é Senhor dos senhores
e.      Ele é Senhor de todos
11.   AS MARCHAS DA IGREJA
a.       A marca da Igreja Primitiva
b.      A marcha da Igreja Sofredora
c.       A marcha da Igreja Missionária
d.      A amrcha da Igreja Militante
e.      A marcha da Igreja Triunfante
12.   GRANDES VITÓRIAS DE CRISTO
a.       No Céu, expulsando Lúcifer
b.      No deserto, vencendo Satanás
c.       No corpo de várias pessoas, libertando-as de possessão
d.      Na cruz, despojando o Inimigo
e.      No mundo subterrâneo, tomando as chaves da morte e do inferno
f.        Na glória de Sua vinda, para arrebatar a Igreja
g.       No final de todas as coisas, a consumação de todas as vitórias
13.   QUATRO EFEITOS DE UMA VERDEADEIRA V ISÃO
a.       Ela produz alvos
b.      Ela produz  confiança
c.       Ela produz esperança
d.      Ela produz triunfo
14.   QUER SER UM JOVEM DE SUCESSO?
a.       Tenha um grande sonho, como José
b.      Seja bem determinado, como Daniel
c.       Apresente o que tem ao Senhor, como o jovem dos cinco pães
d.      Colecione vitórias, como Davi
e.      Não se afaste da Casa do Senhor, como Samuel.
f.        Seja perseverante, como Neemias
15.   SEIS ASPECTOS DA PRESENÇA DE CRISTO
a.       A promessa da presença
b.      A ceerteza da presença
c.       O poder da presença
d.      A proteção da presença
e.      O efeito da presença
f.        A eternidade da presença
16.   Vidas santas
a.       Enoque
b.      José
c.       Daniel
d.      Jesus
e.      Os apósatolos
f.        A Igreja Primitiva
17.    CINCO SEGREDOS DA IGREJA
a.       Um princípio humilde
b.      Promessas infalíveis
c.       Assistência do Espírito Santo
d.      Armas sobrenaturais
e.      Garantia divina de invencibilidade
18.   REAÇÕES DIANTE DE CRISTO, EM MT 11.;1-6
a.       A dúvida
b.      A busca
c.       O conhecimento
19.   SETE GRANDES MONTES
a.       O monte do repouso – Arará
b.      O monte do combate – Carmelo
c.       O monte da renuncia – Moriá
d.      O monte do supremo sacrifício -  Calvário
e.      O monte da Palavra – das bem-aventuranças
f.        O monte da glória – da Transfiguração
g.       O monte da esperança – da Ascensão
20.   QUANDO LOUVAMOS A DEUS AFUGENTAMOS OS DEMÔNIOS
a.       Porque eles temem e respeitam a Deus
b.      Porque eles sabem que somos salvos e fomos feitos filhos de Deus
c.       Porque eles sabem que pela oração e pelo louvor temos acesso a Deus.

3 comentários:

CONFERENCISTA RICARDO RIBEIRO disse...

Caro Mestre, paz. Gostaria, se possível, que o senhor me inteirasse o que sabe sobre o Pr. Jotinha. "Tudo" em poucas linhas.

Estão disseminando notícias a respeito do mesmo que serão muito mais destrutivas que construtivas. Pelo amor à verdade, me ajude, por favor. Paz.

Ricardo Ribeiro
Capelão da IVC
Capelania Internacional Voluntária
Diretor Estadual em PB e PE
Mat. 1022

Pb. Glauko Santos disse...

É somente o prezado conferencista pesquisar o conteúdo escrito pela CPAD no seu Jornal O Mensageiro da Paz, uma das edições próximas do meado de 2011, e verá o que o nobre Escritor do Dicionário do Movimento Pentecostal esclareceu a todos os públicos que tomaram conhecimento sobre as razões pelas quais as comemorações do Centenário das AD não fariam qualquer menção à figura que se autodenomina de "Jotinha".
Paz seja consigo.

Nildo Morais disse...

Quando estamos cheios do Espirito Santo de Deus, jorra água de dentro das nossas vidas que saciam a sede de querermos mais de Deus, foi o que senti quando li as reflexões anteriores. que Deus continue lhe dando espiração para falar e escrever palavras tão profundas como estas. de seu irmão em cristo Evanildo Morais