quinta-feira, 25 de junho de 2009

EP, JC e MJ

Eles podem ser mencionados como três personagens que fizeram história.

O primeiro deixou esta vida há 29 anos. O segundo, há dois milênios. O terceiro acaba de ir, aos 50 anos de idade.

Segundo o noticiário que acaba de circular, um dos assessores declarou que ele ultimamente estava praticando sua autodestruição.

O primeiro viveu sua infância assistindo a Escola Dominical e aprendeu muito a respeito do plano da salvação e da necessidade de viver para Deus.

Alcançou fama, riqueza e grande projeção nos meios artísticos, tal como o terceiro. Foi cognominado de rei do rock. O terceiro foi chamado de rei do pop.

Ambos, porém, se embriagaram torpemente diante dessa auréola de fama e de conceito mundial e descambaram para uma vida sem Deus, sem santidade e sem paz.

O terceiro chegou a possuir considerável fortuna, estimada em milhões de dólares. Jovem, não teve sabedoria para construir sua própria vida sobre a Rocha e encheu seu currículo de ações as mais distintas. Fantasiosas, a princípio. Reprováveis, depois. Vergonhosas, por último.

O segundo nasceu em uma manjedoura, morreu em uma cruz aos trinta e três anos e jamais se envolveu com o pecado.

Enquanto o primeiro e o terceiro conduziram milhões, especialmente jovens, ao delírio inconsequente, à superficialidade de vida e ao prazer no pecado, o segundo amou, perdoou, abençoou, libertou e curou a todos quantos dele se aproximaram.

A imprensa noticiou a respeito do terceiro que ele investiu milhões para alterar a cor da epiderme, bem como gastou outros milhões para defender-se de um processo em que era acusado de pedofilia. E assim por diante.

Enquanto o inferno se abriu para receber os dois das extremidades, o Céu se engalanou ainda mais para receber o segundo, porque de lá viera e para lá estava voltando.

Por que nesta crônica Ele ocupa o segundo lugar?

Porque assim é mencionado quando nos referimos à Trindade. Melhor dizendo, porque seu verdadeiro lugar é no meio.

No meio dos discípulos, no meio da Igreja, no meio dos castiçais.

Até para morrer, escolheu o centro.

Ele é o centro que os dois rejeitaram, embora dele tivessem ouvido falar vezes sem conta. Por essa rejeição, existirão eternamente ao lado de seus fãs. JC viverá para sempre no Céu, rodeado e aclamado por seus adoradores.

O tempo esquecerá o terceiro, como já esqueceu bastante o primeiro.

O segundo, todavia, será cada vez mais amado, mais lembrado, mais exaltado, mais reverenciado e mais adorado. Agora e na Eternidade.

Uma diferença crucial é que somente o segundo merece ser imitado.

Na eternidade, EP e MJ lamentarão para sempre o erro imperdoável de haverem trocado o permanente pelo passageiro, a vida pela morte, o santo pelo profano, o céu pelo inferno, Deus por Satanás.

Lá, o eco dos aplausos que receberam na Terra somente aumentará sua dor e multiplicará sua agonia, visto que com seu talento jamais tiraram uma só alma do desespero, jamais apontaram para uma única pessoa o caminho do Céu.

As multidões que encheram as ruas para chorar o primeiro certamente chorarão outra vez para lamentar a ausência do terceiro.

Quanto ao segundo, que na verdade é o PRIMEIRO entre tudo e todos, as multidões se alegram hoje e se alegrarão para todo o sempre com a eternidade de sua vida, com a sublimidade de seu amor, com a majestade de sua graça e com a santidade de seu exemplo.

Fique bem claro que não tenho, nestas linhas, a pretensão de desonrar a memória de quem quer que seja. Desejo, tão somente, exaltar a Pessoa de Cristo e realça Sua sublimidade diante de todos os seres humanos.

Quando pensarmos nos dois pensaremos na inimaginável profundidade das regiões para onde foram levados.

Sempre que pensamos em Jesus Cristo, regozijamo-nos pelas alturas gloriosas onde está o Seu Trono e de onde continuará a reinar sobre todo o Universo. Ele foi, é e será o Rei dos reis.

Para sempre e sempre.


 

4 comentários:

Michele disse...

A Paz do Senhor Pr.
O Sr. poderia postar um estudo sobre o sábado para nós assembleianos.Obrigada.

Mar disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Mar disse...

Paz do Senhor Jesus meu negosio e com Jesus sempre aleluia irmão Gesiel Gomes gostaria de suas orção para minha pessoa tenho orado pelo seu ministerio e acompanhado e visto a maravilhas de Deus em sua vida não sou assembleia sou da Internacional da Graça de RRSoares mais como disse meu negosio e Jesus tenho sede de Deus Deus e contigo Pastos Gesiel Gomes quero dizer publicamente que ao ouvir seu Dvd na ministração do Pastor Benhour Lopes sobre a profesia das naçoes para pregar eu foi ao chão pela unção de Deus desde da ai tenho sido colaporador de Missões abençoado,abençoado pois essa obra não pode parar as almas não pode ir para inferno e sim para Ceu nós 4 cantos da terra.Aproveitando o embalo da irmão Michele Gostaria de uma postagem sobre os adventista que batem sobre sabado como tabua de Salvação e sobre Tj e Mormon e CCB.Gloria a Deus irmão gostaria de aprender sobre a Seitas e Heresias para esclarecer as pessoas por ingenuidade entram nelas são muitas as seitas que se levanta até com nome Cristã o Negocio e serio irmãos eu precuro entender antes de tirar concluções pois e um assunto delicado que termina em Ceu e Inferno não estou aqui para Julgar a,b ou c e sim saber a verdade.
como esta Escrito em João 8 v 32 e conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.

8 de Julho de 2009 18:26

Anigelli disse...

A Paz do Senhor, Pr. Geziel.
Não sei se o sr se lembra de mim. Sou filha do Pr. José Carlos da Silva e fui sua ovelhinha (rs) quando criança e adolescente na ADIG. Lembro com muita saudade do senhor, da ir. Maura, do Jeriel (que era regente do adolescentes para Cristo na época)...
Fiquei muito feliz de encontrar este blog e poder mais uma vez ouvir suas palavras...
Que deus o abençoe muito.