terça-feira, 8 de janeiro de 2008

NÃO TE CANSES

Não te canses de crer, porque somente os que permanecem firmes em sua fé alcançam a plenitude das bênçãos prometidas por Deus.

Não te canses de amar, porque somente os que amam até o fim são verdadeiros seguidores do Nazareno, pois tal é o testemunho das Escrituras a Seu respeito: "como havia amado os seus, que estavam no mundo, amou-os até o fim". Jo 13.1.

Não te canses de perdoar, porque este é o padrão usado para conosco pelo Amoroso Pai Celestial, que jamais Se recusou a oferecer-nos tão sublime dádiva, ainda quando nossas faltas eram inúmeras e se afiguravam como imperdoáveis.

Não te canses de esperar, pois o desespero é a víbora peçonhenta que deseja atingir a todos os filhos do Rei, a fim de os deixar "para aquém do Jordão", sem jamais poderem provar as delícias da Terra Prometida.

Não te canses de aprender, posto que na aprendizagem diuturna dos caminhos e dos estatutos do Senhor reside o segredo para triunfar na vida, guardando-os até o fim, Sl 119.33.

Não te canses de ser fiel, pois somente os que assim procedem serão honrados pelo Mestre Querido com a coroa da vida e os fiéis são por esta mesma razão designados para estarem eternamente ao lado do Senhor, Sl 101.6.

Não te canses de adorar, porque no exercício da adoração nosso Isaque é poupado da morte, o leproso se torna mais importante que uma imensa multidão (Mt 8) e certos "cachorrinhos" deixam de lamber as migalhas para se fartarem com a mesa rica de comida sólida.

Não te canses de ler a Palavra, porque somente assim as bem-aventuranças (Ap 1.3) descerão sobre tua vida como chuvas que te regarão e te farão absolutamente frutífero na Casa e na Presença do Rei.

Não te canses de andar, para que possas enfim chegar ao Porto Seguro, onde já és esperado por milhões que não se deixaram vencer nem abater pelo cansaço da Jornada.

Não te canses de correr, para que sempre vejas ficando para trás aqueles que te oprimem, te desprezam e te abandonam.

Não te canses de estar na Casa do Senhor, pois, como Simeão, poderás estar dentro dela no aparecimento do Messias de todos nós.

Luta, chora, geme, persevera, continua, batalha, adora, ama, perdoa, espera, peleja – mas sem jamais te cansares.

Não te canses, pois.

2 comentários:

Fernando Cardoso disse...

Obrigado, amado. Por esta água fria, para quem é um mensageiro de boas-novas de terra remota.

Fica para sua meditação Pv.25:25, em que há dias vem me impactando.

Neste pequeno espaço em meio há milhoes, também, desejo que não te canses irmão, servo, Pr. Geziel, pois, tens muitos fruto para dar ainda para Deus, ao proximo, e a ti mesmo.

ana disse...

Que texto lindo Pastor! o tempo do auge de Deus na tua vida chama-se - hoje - Glória a Deus por tua vida e da pastora Maura. Deus continue abençoando sua vida!
Ana Claudia